Fala Blogueiro: Entrevista com Celso Lemes do Criar Sites

Estamos de volta com mais uma entrevista no Fala Blogueiro.

Para os que ainda não sabem, o Fala Blogueiro  é uma seção onde entrevisto blogueiros para que possamos conhecer a pessoa por trás do blog e saber as dificuldades e obstáculos que ele teve que passar para chegar onde está hoje.

No Fala Blogueiro de hoje a entrevista é com o Celso Lemes do Criar Sites. Ele tem 33 anos, é casado e mora em Uberlândia (MG). Ele tem a profissão que muitos outros blogueiros gostariam de ter, ele é Problogger, ou seja, ele trabalha profissionalmente com blogs.

Fala Blogueiro com Celso Lemes

Entrevista com Celso Lemes Criar Sites

Como e quando você começou a blogar? Conte-nos a sua história desde o início.

Em 2004 eu comecei a desenvolver o site Negócios do Japão utilizando o FrontPage e posteriormente o DreamWeaver. No entanto eles não eram ideais para sites que sofriam atualizações frequentes e eu precisava de uma alternativa mais viável. Por isso sai procurando por formas mais fácil de publicar conteúdo e em 2007 fui apresentado ao WordPress após ler um artigo que falava sobre ele (não me lembro qual era o blog) e criei então o GanharDinheiro.net.

Como surgiu o Criar Sites?

Quando comecei a desenvolver o meu primeiro site eu não sabia quase nada sobre criação de sites, por isso lia muita coisa relacionada ao assunto na Internet e implementava o que aprendia.

Com isso tive a ideia de publicar essas dicas que eu aprendi na prática para ajudar outras pessoas. Foi então que nasceu o CriarSites.com que no começo ainda era desenvolvido com o DreamWeaver. Só em 2008 é que passei ele para o WordPress e desde então não parei mais de blogar.

Você possui vários outros blogs, poderia relacioná-los para que também possamos conhecê-los?

Sim, eu tenho vários blogs, alguns dos principais são:

No final de 2008 você se tornou um Problogger, mas para isso se planejou durante muito tempo. Qual foi a reação de seus amigos e familiares quando anunciou que iria trabalhar somente na internet?

Quando eu decidi trabalhar só pela Internet eu já estava ganhando uma grana suficiente para me manter mesmo estando no Japão. Na época só precisei dar satisfação para a minha esposa, que aceitou, mas só porque viu que o que eu estava ganhando dava pelo menos a metade do que eu ganhava na fábrica que eu trabalhava.

Eu continuei trabalhando como problogger no Japão por mais um ano e no final de 2009 nós voltamos para o Brasil. Foi quando minha esposa também virou oficialmente uma Problogger.

Você viveu no Japão por 13 anos. Você acredita que se não tivesse passado por essa experiência de morar e trabalhar num país mais desenvolvido teria assim mesmo se tornado um Problogger?

Difícil dizer. Admito que eu aprendi muita coisa no Japão, como é o caso da disciplina e organização dos Japoneses, mas de certa forma eu já era assim. Eu sempre pensei e agi meio diferente da maioria das pessoas, acho que devo isso a minha família com descendência Japonesa mantêm certos costumes do Japão.

Quais fatores considera que foram decisivos para seu sucesso como Problogger?

Bom, minha esposa diz que eu sou muito teimoso. Acho que eu só virei um problogger porque as pessoas duvidaram do meu potencial (agradeço a eles por isso) e do potencial da Internet. É claro que a independência financeira também me atraia muito e teimoso como sou, queria mostrar para eles que eu era capaz e que poderia ganhar sim uma boa grana com a Internet.

Como é o seu processo criativo? Conte-nos um pouco de sua rotina diária como blogueiro e produtor de conteúdo.

Bom, eu não tenho nenhum processo. Tem dia que eu não escrevo nada o dia inteiro e às 2:00 da manhã eu invento de criar um artigo. Nesses dias eu fico apenas cuidando de otimização e da edição de artigos que os colaboradores me enviam e também do pessoal que escreve para outros blogs meus, respondo comentários, e-mails e etc.

As vezes de madrugada eu também resolvo preparar uma lista de ideias para artigos que eu possa escrever durante a semana. Tenho uma pasta em meu computador chamada “Artigos” onde guardo documentos com títulos e rascunhos de futuros artigos.

Eu também larguei meu emprego para viver exclusivamente de meus blogs. Hoje trabalho num home office. Que orientação você daria para quem quer seguir o mesmo caminho que nós dois já fizemos, largar o emprego e se dedicar exclusivamente a blogs?

Isso é uma coisa que deve ser pensada, pois os blogs demoram um bom tempo até começarem a render valores que permitam largar a “segurança” de um salário fixo. Acho que o ideal é fazer como eu fiz, ou seja, esperar até que sua renda com o blog seja suficiente para se manter (principalmente se tiver uma família para sustentar) e só então tomar essa decisão que poderá mudar completamente sua vida.

Você já desistiu de algum blog que começou e depois de algum tempo percebeu que não daria certo?

Sim, vários. Com exceção do CriarSites.com e do CelsoLemes.com, os demais blogs eu montei com o principal intuito de ganhar dinheiro em troca de conteúdo. Acontece que em alguns casos eu cheguei a montar blogs que depois de um tempo percebi que não renderiam nada ou que não atrairiam visitantes para justificarem as despesas em mantê-los no ar, nestes casos eu simplesmente deixo o domínio vencer.

De onde vem a maior parte de sua renda com blogs? Programas de afiliados, venda direta de anúncios, outros? Por quê?

Atualmente tem sido a venda direta de publicidade. Eu decidi dividir minhas fontes de renda entre os anunciantes diretos para não ficar tão a mercê dos programas de afiliados. Não acho isso saudável financeiramente. Agora só tenho que dar um jeito de não ser tão dependente das visitas que o Google me envia.

Cite alguns blogueiros (independente do nicho) que te influenciaram quando pensou em criar seu primeiro blog.

Quando eu comecei a blogar eu li quase que completamente os blogs do Darren Rowse, do John Chow, do Yaro Starak, da Naomi Dunford, da Nospherat e de outros que estão sumidos.

Aprendi muita coisa com eles e via que eles estavam ganhando dinheiro fazendo uma coisa que gostam. Isso me motivou muito a trabalhar duro na preparação de minha carreira de blogueiro.

Cite alguns blogueiros (independente do nicho) que te influenciam hoje.

Hoje em dia eu diria que não tenho nenhuma pessoa que me influencia. É claro que eu acompanho vários blogueiros, mas não gosto de fazer o que outras pessoas fazem só porque está na moda.

Acho que isso só é necessário quando se está começando. Depois de encaminhado o ideal é criar seu próprio caminho/estilo.

Deixe uma mensagem para os leitores do GF Soluções.

Se você quer ser um blogueiro de sucesso, esteja sempre disposto a aprender, procure ser produtivo e foque na criação de conteúdo de qualidade, sem se preocupar muito com o Google. O resto é con$equência.

Se você quiser saber mais sobre meu trabalho, visite o Criar Sites, me siga no Facebook ou acompanhe a minha Fan Page.

Opinião Gustavo Freitas

O Celso Lemes é uma pessoa de grande sucesso, mas que mantém um traço peculiar e que, certamente, lhe ajuda muito a manter esse sucesso, ele é humilde. Apesar de todo o sucesso e dos números impressionantes que ele sempre publica mensalmente (tanto o número de visitas como de valor financeiro) ele é totalmente acessível a todos. Quer falar com ele, basta enviar um e-mail ou fazer um comentário e aguardar a resposta, que ela virá. Fica o exemplo pra todos!

E você, já conhecia o Celso Lemes? O que achou da entrevista? Deixe seu comentário.

Quer conhecer a técnica que usei para ganhar R$ 1.091,80 em menos de 48 horas?

Gustavo Freitas

Problogger, empreendedor digital e criador do Método Start. Você conhece todos os meus projetos no Gustavo Freitas.Net.

Website: http://gfsolucoes.net

    0 Comentários

    1. Conheci o Celso há pouco tempo, por conta de um projeto que ele tem junto com o Rogerio Gomes, o OSabetudo.com.

      Percebi, nas vezes que eu precisava de alguma orientação, que ele é muito pronto pra ajudar, pra responder. Muito simples, desarmado.

      Isso é ótimo, principalmente porque os contatos virtuais, às vezes, causam inseguranças.

      Fico feliz por conhecer detalhes da carreira do Celso que eu não conhecia.

      Parabéns Celso….
      E muito grata Gustavo, pela entrevista.

      Abraço aos dois.

    2. Isso é muito bom ver pessoas bem sucedida e feliz com o que faz.
      Boa a entrevista!

    3. Ai simm em mano, meu irmão é fonte de inspiração pra mim e pra muita gente que o conhece, um cara muito inteligente e esperto, me lembro como se fosse hoje ele dizendo; vou fazer esse site crescer mano “criarsites.com” e vou trabalhar com a criação de sites, parecia uma coisa imposivel na minha visão pois não tinha a menor ideia de como funcionava a internet. Hoje ta ai sendo entrevistado e tudo mais kkk vc merece toda esse moral mano,,, Parabéns

    4. Olá Gustavo,
      Muito obrigado pela oportunidade de aparecer em uma de suas entrevistas. Também queria agradecer o pessoal que comentaram ou que somente leram o artigo. Muito sucesso a nós todos.

      Abraço!

      • Celso,
        eu que agradeço por ter atendido o meu convite e respondido as perguntas com tanta franqueza e transparência.
        Sucesso.

    5. Em 2008 ele já estava bem posicionado no google pois quando procurava algo sobre criação de sites,sempre caia no criarsites,com background preto rs.

      O Celso nada mais é do que com Dedicação(teimosia),muita força de vontade,principalmente para aprender algo novo podemos conquistar nosso espaço na internet,e quem sabe não viver só dela.

      Essa serie de entrevistas está muito boa mesmo Gustavo!

      Abraços!

      • Rafael,
        obrigado por compartilhar a experiência que teve com o Celso já em 2008. Muito tempo se passou e ele continua muito bem indexado.
        Vamos ter ainda mais surpresas nessa série de entrevistas, aguarde só.

        abraço,

    6. Olá, Gustavo e Celso!

      Parabéns a ambos pela entrevista! Gostei muito das perguntas e também das respostas.

      Já acompanho o trabalho do Celo há um bom tempo e já encontrei ótimas dicas no Criar Sites. Só podemos mesmo respeitar quem está há tanto tempo no ramo e com os ótimos resultados obtidos.

      E também percebo no Celso sua humildade, que nos mostra que não é preciso ser arrogante para fazer sucesso.

      Um abraço!

      • Adelson,
        obrigado pelo comentário. Também acredito que não precisa ser arrogante pra ter sucesso.
        Abraço.

    7. Olá Gustavo,

      Excelente entrevista com o Celso, eu admiro muito ele, pois é um cara com boas ideias, e é sempre muito humilde. Responde a maioria sempre que pode, e não é esnobe como alguns blogueiros por ai.

      As mesmas boas características que vejo no Celso, eu vejo em você Gustavo.

      Parabéns pela entrevista.

      Desejo muito sucesso aos dois!

      Abraço!

    8. Olá Gustavo.
      Adoro o fala blogueiro, acompanho toda segunda feira as entrevistas e adorei saber um pouco da trajetória do Celso Lemes até se tornar um Problogger. Isso me motiva muito, pois tenho esse projeto em mente e é bom conhecer os passos de um Problogger e aprender um pouco mais.
      Abraço!

      • Claudio,
        obrigado pelo feedback quanto ao Fala Blogueiro. Estou pensando em várias novidades para essa série.
        Abraço e sucesso com seu projeto.

    9. Olá Gustavo.
      O Celso Lemes é para mim uma especie de guru,eu acompanho tudo que esse cara faz porque tudo que ele faz na blogosfera ele faz com profissionalismo.
      Quando eu comecei a blogar fui influenciado por ele.
      Eu me apaixonei pela blogosfera lendo e entendo tudo que ele e seus colaboradores escreviam.
      Esse cara é um exemplo de ser humano humilde e profissional,me espelho na carreira dele para continuar blogando.
      Tenho passado por muitos desafios mas quando leio o criarsites do Celso tudo fica mais fácil para mim e quando preciso mando um e mail para ele e ele me responde quase que imediatamente, isso não é bacana ?
      O Celso Lemes é fantástico ele merece todo o sucesso do mundo.
      Parabéns por essa excelente entrevista…

      • Mauriciio,
        é muito bacana mesmo quando entramos em contato com uma pessoa que admiramos e ela nos atende prontamente.
        Sucesso.

    10. Olá Gustavo,
      Ótima entrevista, já conhecia um pouco do trabalho dele, mas não sabia quase nada da sua histótia.
      Abraços.

      • Carlos,
        obrigado pelo comentário. Esse é o objetivo do Fala Blogueiro, mostrar um lado que poucos conhecem do blogueiro por trás do blog.
        Abraço.

    Deixe uma resposta