Cursos gratuitos de software livre

O Instituto Nacional de Tecnologia (ITI), através do projeto CDTC (Centro de Difusão de Tecnologia e Conhecimento), está oferecendo 78 cursos voltados à Software Livre gratuitamente.


O objetivo do projeto é unir esforços do setor público e de universidades públicas para ampliar o conhecimento e a utilização de Software Livre no Brasil.

CDTC

Como participar

Existem dois tipos de plataforma, uma é voltada para os funcionários públicos e a outra para a comunidade. Se você é funcionário público acesse o CDTC Cursos (é necessário possuir um e-mail institucional .org.br) clique em cadastramento de usuários e preencha seu cadastro. Agora se você não é funcionário público ou seu órgão não possui um e-mail institucional, acesse o CDTC Comunidade (é necessário um e-mail de provedor nacional .br) e siga os passos descritos para o funcionário público.

Após o cadastro acesse a caixa de e-mails fornecida no cadastro e responda ao e-mail de confirmação (clicando no link em azul). Se em cinco dias não houver confirmação seu cadastro será cancelado.

Como se inscrever em um curso

Clique no curso desejado e responda “sim” a pergunta “você deseja inscrever-se no curso”. Se quiser ler o resumo do curso antes clique sobre o ‘i’ dentro do círculo azul ao lado direito do nome do curso.

Como apoiar o projeto

Se quiser apoiar o projeto cadastre-se como monitor no site CDTC Comunidade ou cadastre cursos de sua empresa na plataforma (serão disponibilizados em licença livre) entrando em contato com o Gestor do sistema.

Conclusão

Os cursos oferecidos são de alto nível, a plataforma utilizada para o ensino é o Moodle e, para os funcionários públicos existe ainda a emissão de certificados. As dúvidas são sanadas através de fóruns e um link permite falar diretamente com o tutor do curso, e ainda há a possibilidade de você ser um tutor de curso e auxiliar na divulgação e no conhecimento do Software Livre no Brasil.

Cursos gratuitos de software livre
Rate this post

8 thoughts on “Cursos gratuitos de software livre”

Deixe uma resposta