Pense antes de copiar

Eu não apóio e nem incentivo a pirataria. Nesse blog vocês nunca viram, e nunca verão, artigos que ensinem como instalar programas piratas, como inserir crackres e outras técnicas que possam auxiliar na difusão do conceito de que software pirata é “legal”, que não tem nada de mais, pois todos fazem isso.


Pelo contrário, tanto aqui no GF Soluções como no projeto Como Instalar, tenho buscado mostrar a meus amigos e leitores que existem alternativas iguais (e até melhores) em desempenho e recursos do que os softwares que estão no mercado sendo comercializados.

O problema é que nossas crianças e adolescentes crescem com a falsa impressão de que copiar o Windows XP, ou qualquer outro software, é algo natural. Essa sociedade conectada e que interage utilizando o conceito de Colaboração em Massa acaba por jogar por terra valores morais importantes, e se confunde ao interpretar o que é certo ou errado, principalmente quando o conceito está no mundo virtual.

Carvoeiro (5)
Creative Commons License photo credit: Fran Villena (villano)

Pense antes de copiar

Não quero iniciar uma campanha “a favor” da indústria de software (até mesmo porque ferramentas para isso eles já possuem de sobra), apenas mostrar que existem alternativas no movimento software livre para substituir programas conhecidos e que são muito utilizados em versões pirateadas.

A Business Software Alliance (BSA), organização que representa a indústria de software comercial, lançou no mês de Agosto o site Pense Antes de Copiar. O objetivo do projeto “é ensinar a crianças, adolescentes, pais e professores uma cultura responsável e adequada para o espaço online”, segundo a BSA.

Lógico que o objetivo da BSA é, simplesmente, defender os interesses da indústria de software comercial, mas o site pode ser utilizado, se bem manuseado, para divulgação e crescimento do software livre entre as mesmas crianças, adolescentes, pais e professores.

Software Livre

Projetos de sucesso como o realizado em Portugal e o do CDTC são exemplos de que a população está buscando alternativas a “pirataria”, e não alternativas ao software pago. A população precisa conhecer softwares livres, gratuitos, que possam ser utilizados em detrimento dos pirateados. Para auxiliar nessa divulgação vou listar abaixo alguns softwares gratuitos e/ou livres que podem ser utilizados em substituição a softwares comerciais.

  • Linux Ubuntu – Substitui tanto o Windows XP quanto o Windows Vista. Sua utilização é simples e descomplicada. O primeiro ponto aqui é limpar a mente e não ter qualquer preconceito com o sistema operacional Linux. Esqueça o que já leu ou ouviu de outras pessoas, experimente! Leia aqui sobre minha experiência pessoal com o Ubuntu e como conseguir, gratuitamente, um CD original do projeto e aqui como escolher a distribuição Linux ideal para você. Não quer instalar no computador? Então aprenda como instalar o Linux no pen drive e teste à vontade.
  • BrOffice – Substitui a suíte de aplicativos Microsoft Office com uma qualidade surpreendente. Ainda traz um número maior de ferramentas. Aprenda como instalar tanto no Windows como na distribuição Linux que quiser.
  • Pidgin – Se você está preocupado em deixar o Windows somente pelo MSN, fique tranquilo, o Pidgin substitui ele e faz ainda mais, pois pode ser utilizado também para ICQ, Yahoo, Google Talk, entre muitos outros. Faça o download e teste agora mesmo, roda também em Windows.
  • Gimp – Ideal para quem utiliza o Photoshop e precisa de uma maneira fácil e prática de editar suas imagnes, seja de forma amadora ou profissional. Aprenda aqui como instalar o Gimp e aqui como instalar o Gimp no pen drive.
  • Thunderbird – Não quer perder seu cliente de e-mail favorito? O Thunderbird é a solução para se livrar de vez do Microsoft Outlook. Para aprender como instalar o Thunderbird clique aqui e para aprender como instalar o Thunderbird num pen drive aqui.

Essa foi apenas uma pequena lista, se quiser ter acesso a uma lista com mais de 100 programas com seus respectivos pares em software comercial, basta acessar o site The Linux Alternative Project.

Pense antes de copiar
Rate this post

0 thoughts on “Pense antes de copiar”

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.